O que a Medicina do Sono tem a ver com a saúde bucal?

Dormir bem é essencial para a saúde. Porém, sabemos que isso pode ser difícil para algumas pessoas, sejam recém-nascidos, crianças, adultos ou idosos. E encontrar a razão das noites mal dormidas pode ser desafiador. Distúrbios em diversos órgãos e sistemas levam às chamadas doenças do sono e são afetadas por elas - muitas vezes num círculo vicioso. Mas o que a Medicina do Sono tem a ver com a saúde bucal?


Neste artigo vamos entender como é possível perder noites de sono por algum problema bucal. E muitas vezes nem percebemos que eles existem, mas após o tratamento nossa vida se transforma completamente!


Continue lendo para entender!

O que é a Medicina do Sono?


É uma área relativamente nova, mas que já mostrou muita contribuição para a qualidade de vida dos pacientes. Nesta área estudamos distúrbios que ocorrem neste período tão misterioso e desconhecido que ocupa em torno de um terço de nossa vida (e interfere em todo o resto!).


Estas doenças apresentam altos índices de morbidade e mortalidade, com números de diagnóstico ainda muito baixos em todo o mundo. O sono afeta diretamente todos os sistemas regulatórios do nosso organismo, e embora exista uma enorme quantidade de distúrbios, hoje iremos focar naqueles que guardam relação com a boca e estruturas adjacentes.



Odontologia do sono

Esta é a área que atua na identificação e tratamento de distúrbios do sono que se originam ou têm consequências na saúde bucal. Bruxismo, Apnéia Obstrutiva e Ronco são os mais prevalentes, e podem prejudicar o seu sono e de quem dorme perto de você.


O bruxismo afeta milhões de brasileiros, atualmente. Ele é caracterizado pelo ranger ou apertar dos dentes. E esse movimento pode desgastar e acabar afetando a estrutura dos dentes, tornando-os frágeis e sem a proteção de um esmalte íntegro. Também as gengivas e o osso ao redor dos dentes serão afetados neste processo, muitas vezes de maneira irreversível.


Já a Apnéia Obstrutiva do Sono (AOS) é a parada respiratória durante o sono. Provoca queda do nível de oxigênio no sangue, e é causada pela obstrução das vias aéreas superiores pela língua - por isso o Cirurgião-Dentista é essencial na equipe multidisciplinar que atua no tratamento destes casos.


O sono deste paciente é fragmentado (embora ele não perceba!) e os efeitos são devastadores. A Apnéia Obstrutiva do Sono (AOS) tem efeito cumulativo. Portanto, se não for adequadamente tratada, o organismo começa a demonstrar problemas de saúde secundários. Comorbidades conhecidas incluem ansiedade e depressão, redução cognitiva e da memória, diminuição imunológica, sonolência diurna excessiva, fibromialgia, refluxo gastro-esofágico, hipertensão arterial, algumas cardiopatias, disfunção sexual, obesidade, diabetes tipo II, cefaléias, TDA / TDAH (nas crianças). Bastante coisa, né?

Crianças com síndromes ou malformações congênitas são grupo de risco, assim como os adultos após os 50 anos.


O ronco, apesar de ser socialmente aceito quando discreto, pode indicar apnéia quando muito notável. Além disso, por si só, ele atrapalha o sono e geralmente incomoda muito o(a) parceiro(a)!


A Medicina e a Odontologia do Sono trabalham para diagnosticar esses distúrbios e tratá-los, aumentando a qualidade de vida de quem sofre com eles.


Como saber se eu preciso consultar um Dentista do sono?


Por tratar-se de uma área relativamente nova, a maioria dos dentistas ainda não tem, infelizmente, conhecimento suficiente para suspeitar de problemas e fazer o correto encaminhamento ao profissional da área.


Caso haja alguma suspeita como cansaço diurno, ronco, hipertensão arterial, sobrepeso, obstrução nasal, dores na face pela manhã ou desgastes dentários, marque uma consulta com um dentista capacitado para conduzir uma investigação. No caso das crianças sindrômicas, o acompanhamento com este profissional deve ser rotineiro e desde os primeiros meses de vida!

Alguns exames complementares podem ser necessários, e uma equipe multidisciplinar geralmente participa do diagnóstico e tratamento. Os profissionais variam para cada caso, mas incluem o médico, fisioterapeuta, psicólogo, nutricionista, fonoaudiólogo e muitos outros, além do dentista.


Se você é de Juiz de Fora, pode contar com a CODAP! Somos especializados em Odontologia na Medicina do Sono. Cuidamos de crianças e adultos, trazendo a qualidade de vida que todos merecem. Se você se identificou com esse artigo ou conhece alguém que apresenta algum desses sinais, é hora de marcar uma consulta.


Entre em contato clicando aqui e nós iremos te ajudar!

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo